Tribunal Regional do Trabalho da 7ª Região

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
  • Mudar contraste
  • Acessível por Libras

Momento da entrega do prêmio; festa de encerramento teve tema junino
Momento da entrega do prêmio; festa de encerramento teve tema junino

A Justiça do Trabalho do Ceará ganhou, na última sexta-feira (30/6), o Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça, na categoria Artigo Acadêmico, de autoria do servidor Hugo Cardim, da Divisão de Comunicação Social do TRT/CE. O evento de premiação ocorreu em Maceió (AL), durante cerimônia de encerramento do 13º Congresso Brasileiro de Comunicação e Justiça. A Justiça do Trabalho foi o grande destaque da noite, levando 6 das 14 categorias do Prêmio.

Com o título "A construção da notícia jurídica em sites institucionais do Poder Judiciário", o artigo vencedor sugere uma esquematização teórica, a partir de conteúdo informacional proveniente de uma decisão judicial, para a elaboração do texto da notícia jurídica. O estudo toma como referência os elementos básicos estruturais do discurso jornalístico, correlacionando-os com o discurso jurídico.

"Este artigo foi inspirado e conduzido por experiências profissionais que o jornalista de assessoria de comunicação realiza cotidianamente. Durante a pesquisa bibliográfica, percebi que essa atividade carece de estudos, uma vez que não existem na literatura acadêmica obras específicas que apresentem uma proposta de ordenamento técnico para correlacionar o discurso jurídico com o discurso jornalístico, tampouco transpor o conteúdo informacional de um para o outro. Daí a importância de introduzirmos este assunto como objeto de pesquisa acadêmica", avalia o servidor Hugo Cardim. Leia a íntegra do artigo aqui.

A Justiça do Trabalho levou ainda outros cinco prêmios. O Tribunal Superior do Trabalho ganhou nas categorias Mídia Radiofônica e Reportagem de TV. O Conselho Superior da Justiça do Trabalho ganhou na categoria Mídia Digital. O Tribunal do Trabalho da 2ª Região (São Paulo capital) ganhou na categoria Inovação. E o Tribunal do Trabalho da 12ª Região (Santa Catarina) ganhou na categoria Comunicação Interna.

O Grande Prêmio, que considera os votos do júri popular e da comissão julgadora, ficou com o Ministério Público Federal, com o projeto “Dez Medidas de Combate à Corrupção”. A premiação de todos os ganhadores consiste em um troféu e um certificado. Confira a relação de todos os trabalhos premiados aqui.

Prêmio - Esta foi a 15ª edição do Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça. A premiação busca reconhecer os melhores trabalhos realizados pelas assessorias de comunicação de todos os órgãos ligados ao Sistema de Justiça do país, em 14 categorias, que são julgadas por um júri técnico. A edição deste ano alcançou o recorde de 271 trabalhos inscritos.

O congresso ocorreu no auditório da Escola Superior da Magistratura do Estado de Alagoas
O congresso ocorreu no auditório da Escola Superior da Magistratura do Estado de Alagoas

Conbrascom - O congresso é realizado anualmente pelo Fórum Nacional de Comunicação e Justiça. O evento deste ano reuniu mais de 200 profissionais e debateu, entre os dias 28 e 30 de junho, o tema “Gestão da Comunicação: da rotina operacional à dimensão estratégica", por meio de palestras, painéis e oficinas. Também compareceu ao congresso o diretor de comunicação social do TRT/CE, Odenes Uchôa.

Tricampeão - Esta é a terceira vez que a Justiça do Trabalho cearense conquista o Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça na mesma categoria, todas por artigos acadêmicos de autoria do mesmo servidor. Em 2013, o analista recebeu a premiação pelo artigo "O valor do capital social nas mensagens do CNJ no Twitter" e, em 2015, pelo artigo "A comunicação da Justiça do Trabalho em redes sociais digitais: uma análise da presença do judiciário trabalhista brasileiro no Facebook, Twitter e Youtube".

Confira a relação de todos os trabalhos premiados aqui.

Leia a íntegra do artigo vencedor aqui.

Fotos: Anderson Macena, Caio Loureiro e Itawi Albuquerque