Tribunal Regional do Trabalho da 7ª Região

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
  • Mudar contraste
  • Acessível por Libras

A união de esforços dos dirigentes de todos os tribunais do trabalho do país foi o foco do discurso proferido pelo desembargador Wilson Fernandes, presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (São Paulo), ao assumir o cargo de presidente do Coleprecor – Colégio de Presidentes e Corregedores dos Tribunais Regionais do Trabalho.

Empossado nesta quinta-feira (23), durante encontro realizado em Brasília-DF, o desembargador ressaltou as dificuldades pelas quais a Justiça do Trabalho está passando, com cortes orçamentários e a impossibilidade de nomeação de juízes e servidores. O presidente mencionou ainda a nova lei trabalhista, e a necessidade de calma nesse momento de mudanças, ressalvando que o que não será modificado é o compromisso com a aplicação da lei por parte dos magistrados, como sempre foi feito. “Se dermos as mãos e caminharmos juntos, enfrentaremos menos percalços para ultrapassar esse período um tanto nebuloso que temos pela frente”, afirmou Wilson Fernandes.

NOVOS DIRIGENTES DO COLEPRECOR: DESEMBARGADORES WILSON FERNANDES, PRESIDENTE (CENTRO); PAULO PIMENTA, VICE-PRESIDENTE (D) E SAMUEL LIMA, SECRETÁRIO-GERAL.
NOVOS DIRIGENTES DO COLEPRECOR: DESEMBARGADORES WILSON FERNANDES, PRESIDENTE (CENTRO); PAULO PIMENTA, VICE-PRESIDENTE (D) E SAMUEL LIMA, SECRETÁRIO-GERAL.

Na mesma ocasião, tomaram posse como vice-presidente o desembargador Paulo Sérgio Pimenta (corregedor do TRT da 18ª Região – Goiás) e o desembargador Samuel Hugo Lima (corregedor do TRT da 15ª Região – Campinas), como secretário-geral do Coleprecor.

Os novos dirigentes agradeceram a confiança do colegiado e elogiaram a diretoria anterior, composta, até então, pelo desembargador James Magno Araújo Farias, do Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região (Maranhão), pela desembargadora Maria de Lourdes Leiria, da 12ª Região (Santa Catarina) e pela desembargadora Maria Beatriz Theodoro Gomes, da 23ª Região (Mato Grosso).

 

Texto: Aline Castro (ASCOM TRT2-SP).