• SoundCloud
  • Youtube
  • Facebook
  • Twitter
  • Flicker

Medalha da Ordem Alencarina do Mérito Judiciário homenageia 42 personalidades

 Cada um dos 14 desembargadores indicou 3 agraciados com a comenda
Cada um dos 14 desembargadores indicou 3 agraciados com a comenda

Na última sexta-feira (6/12), a Justiça do Trabalho do Ceará homenageou 42 personalidades com a entrega da Medalha da Ordem Alencarina do Mérito Judiciário, evento promovido a cada dois anos que confere condecoração a pessoas que tenham se destacado em quaisquer ramos do Direito ou por serviços prestados em prol da sociedade. Em torno de trezentas pessoas, entre autoridades, magistrados, servidores e familiares, prestigiaram a solenidade, que ocorreu na sede do TRT/CE, em Fortaleza.

Veja mais fotos aqui.

Dentre as personalidades que receberam a insígnia, estavam o governador do Estado do Ceará, Camilo Santana, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil no Ceará (OAB/CE), Erinaldo Dantas, o deputado estadual do Ceará Acrísio Sena, o vereador de Fortaleza Evaldo Lima, o presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), José Ricardo Montenegro Cavalcante, e o jornalista Eliomar de Lima.

 

Os servidores aposentados Raimundo Nonato Ximenes e Yolanda Barbosa e o juiz do trabalho Antônio Teófilo foram indicados pelo presidente do TRT/CE, des. Plauto Porto
Os servidores aposentados Raimundo Nonato Ximenes e Yolanda Barbosa e o juiz do trabalho Antônio Teófilo foram indicados pelo presidente do TRT/CE, des. Plauto Porto

O presidente do TRT/CE, desembargador Plauto Porto, destacou que a solenidade é um momento singular para o Tribunal homenagear autoridades, servidores e serventuários aposentados, pois “é um reconhecimento da instituição a essas pessoas que tanto fazem, tanto trabalham pelo engrandecimento do nosso país, da nossa cidade e do nosso estado”.

 

 

 

 

 

O Des. Francisco José Gomes entregou a medalha Grau Grã-Cruz ao governador Camilo Santana
O Des. Francisco José Gomes entregou a medalha Grau Grã-Cruz ao governador Camilo Santana

Em entrevista concedida à imprensa durante a solenidade, o governador Camilo Santana declarou se sentir honrado com o recebimento da comenda e que sua responsabilidade só aumenta. Quanto aos ataques sofridos pela Justiça do Trabalho no Brasil, ressaltou que não se pode recuar dos ganhos e conquistas que o povo brasileiro teve, devendo-se resistir para garantir os direitos dos trabalhadores no Brasil. “Uma das coisas mais fundamentais e importantes é garantir os direitos das pessoas que trabalham”, afirmou.

 

 

 

 

O presidente da Amatra7, Ronaldo Solano, foi condecorado pela vice-presidente, Des. Regina Gláucia
O presidente da Amatra7, Ronaldo Solano, foi condecorado pela vice-presidente, Des. Regina Gláucia

Agraciado com a medalha alencarina, o presidente da Associação dos Magistrados do Trabalho da 7ª Região (Amatra VII), Ronaldo Solano, reforçou que é extremamente importante que se tenha um segmento especializado como a Justiça do Trabalho, uma vez que ainda existem trabalho escravo, trabalho infantil e um número elevado de acidentes de trabalho. 

 

 

O chefe da Casa Civil do DF, Valdetário Monteiro, foi indicado pelo Des. Francisco Tarcísio Lima Verde
O chefe da Casa Civil do DF, Valdetário Monteiro, foi indicado pelo Des. Francisco Tarcísio Lima Verde

 

 

 

O chefe da Casa Civil do Distrito Federal e ex-membro do Conselho Nacional de Justiça, Valdetário Monteiro, que recebeu a medalha da Ordem Alencarina no Grau Grã-Cruz, afirmou que a Justiça do Trabalho tem um papel social importantíssimo, pois lida com o direito mais básico, que é o direito ao trabalho e o direito a receber a remuneração legal.

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Ceará, Erinaldo Dantas, um dos homenageados da noite, diante do cenário de ataques à Justiça Trabalhista, informou que a OAB está mobilizada na defesa desse ramo do Judiciário. “É uma Justiça rápida, célere e que age sempre na defesa de direitos consagrados”, ressaltou.

Indicada a receber a comenda pelo desembargador Cláudio Soares Pires, a diretora de Secretaria da 6ª Vara do Trabalho de Fortaleza, Carmem Moura, declarou que é gratificante o reconhecimento pelo Tribunal, destacando a alegria e gratidão pelo recebimento da medalha no Grau Cavaleiro. 

 

Em torno de 300 pessoas prestigiaram a solenidade
Em torno de 300 pessoas prestigiaram a solenidade

Ao fim da entrega das medalhas aos 42 agraciados, foi oferecido um coquetel aos presentes, patrocinado pelos desembargadores, momento em que os homenageados receberam os cumprimentos.

Comenda

Instituída pelo TRT/CE em 1993, a comenda é entregue a personalidades nacionais ou estrangeiras que tenham se destacado em quaisquer ramos do Direito ou pelos serviços prestados em prol da Justiça do Trabalho, da Cultura, da Ciência ou da Sociedade. Também podem receber a medalha servidores públicos que, por seus méritos funcionais, tenham se tornado alvo de distinção. A honraria é dividida nos graus Grão-Colar, Grã-Cruz, Grande Oficial, Comendador, Oficial e Cavaleiro.